Hoje, primeira sexta-feira do ano, falaremos de um conteúdo essencial em qualquer esfera do mercado, que já causou arrepios e assustou inúmeras pessoas só de ouvir: Inovação.

Inovação e tecnologia são dois termos que andam juntos nos trilhos dos negócios e do empreendedorismo, e quem ainda não enxergou isso vem perdendo um tempo precioso.  

Devo adotar uma estratégia direcionada? Como acompanhar o dinamismo do mercado? O meu negócio está pronto para lidar com inúmeras mudanças? Essas são algumas das inúmeras perguntas feitas por empreendedores que enfrentam as constantes mudanças do mercado.

A cada dia que passa empresas rompem paradigmas, aprimoram processos e revolucionam culturas, buscando desenvolver estratégias para oferecer um ambiente mais ágil, colaborativo e aberto à inovação de forma contínua.

Além de agregar valor ao branding do seu produto ou serviço, tanto a tecnologia quanto a inovação, se bem direcionadas às necessidades da empresa, são capazes de automatizar e otimizar processos, aumentar a produtividade, reduzir custos, garantir vantagens competitivas e, consequentemente, sustentar o crescimento empresarial de forma consistente.  

Empresas brasileiras de grande e médio porte investem cerca de 7,7% em tecnologia, de acordo com a 29ª Pesquisa Anual do GVces da Fundação Getulio Vargas (Centro de Tecnologia de Informação Aplicada da Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getulio Vargas).  

Por outro lado, o relatório da Confederação Brasileira das Indústrias aponta que somente 36% das empresas realizam este tipo de aplicação.

Isso ocorre porque boa parte dos pequenos, médios e até mesmo grandes empreendedores brasileiros vem resistindo realizar investimentos, tanto em tecnologia quanto em inovação, por considerá-las caras e arriscadas.  

Mas este entendimento precisa ser revisto se estes empreendedores e suas companhias quiserem se manter no mercado. É hora de perder o medo, deixar a comodidade de lado e acreditar no seu poder! A competitividade do mercado atual exige grande adaptação e mudança do direcionamento estratégico, não importando se a demanda é marketing, vendas ou operacional.

Diante disso, fica claro: nunca foi tão importante entender que a tecnologia e a inovação estão e sempre estarão a favor dos negócios, independente do segmento e do porte dos mesmos.  

É importante ressaltar que o investimento não precisa ser necessariamente alto, já que isso varia de acordo com a necessidade de cada negócio. Pequenas aplicações, se realizadas de forma assertiva, trarão melhores resultados.

Deixe o medo de lado e utilize a tecnologia a favor do seu negócio!

Conte com a gente! Inove e converta novas ideias em resultados incríveis!